Projeto de revitalização da Vila Leopoldina entra em 2ª consulta pública

Projeto de revitalização da Vila Leopoldina entra em consulta pública

O projeto de revitalização da Vila Leopoldina, proposto pela Votorantim e outras entidades privadas, foi colocado em consulta pública pela Prefeitura de São Paulo. O Projeto de Intervenção Urbana (PIU) Vila Leopoldina é uma iniciativa da Votorantim, da BVEP - empresa de empreendimentos e participações do Banco Votorantim, da SDI - empresa de gestão e desenvolvimento imobiliário - e do URBEM - Instituto de Urbanismo e de Estudos para a Metrópole, e conta com o acompanhamento e gestão da SP-Urbanismo, vinculada à Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento. Cabe à SP-Urbanismo a articulação com as demais Secretarias Municipais envolvidas e a validação de todo o trabalho executado, respeitando a regulação vigente. 

O PIU é um instrumento previsto no Plano Diretor da cidade, que permite que empresas privadas proponham intervenções para melhoria do espaço urbano e que sejam de interesse público. O PIU Vila Leopoldina propõe-se a revitalizar um perímetro junto à Marginal Pinheiros, próximo à Ponte do Jaguaré, oferecendo como contrapartida um investimento privado estimado em R$ 80 milhões na reurbanização da área, incluindo a construção de moradias para as mais de 700 famílias que atualmente vivem em comunidades da região. Ao menos 4,5 mil pessoas em situação vulnerável serão beneficiadas diretamente pelo projeto. 

A revitalização da área visa resgatar uma vocação da região da Vila Leopoldina, característica por atrair empresas da chamada economia criativa – como paisagismo, audiovisual e moda. O projeto prevê um redesenho do espaço urbano, contando com um cuidado arquitetônico especial para moradias populares, permitindo um uso mais democrático e que proporcione a convivência social.

Pensando nisso, haverá a instalação de novos equipamentos públicos de uso comum, como escola, creche, posto de saúde, centro de acolhida para moradores de rua e áreas de lazer para a população. O projeto engloba ainda um amplo diagnóstico sócio-territorial e traz diretrizes para futuros investimentos na região, incluindo soluções inovadoras para a mobilidade urbana.     

Após o período de consulta e audiência pública, a Prefeitura deverá sintetizar o PIU em um projeto de lei, que será analisado pela Câmara Municipal para posterior sanção do prefeito. A íntegra do projeto está disponível para consulta pública até o dia 16/05/2018, no site Gestão Urbana, da Prefeitura